85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Tempo de Viver

Cerco de Jericó: Estudo Bíblico do dia 27-08-18 (SEG)

  • Publicado em 27/08/2018

Tema: Os sonhos do Faraó

Indicação: Leia em espírito de oração Genesis 41, 1-13, deixando o Senhor te conduzir em sua pedagogia de amor.
Dois anos depois, o faraó teve um sonho: encontrava-se ele perto do Nilo, 2.de onde saíram sete vacas belas e gordas, que se puseram a pastar a verdura. 3.Mas, eis que saíram em seguida do mesmo Nilo sete outras vacas, feias e magras, que vieram e se puseram ao lado das outras na margem do rio. 4.As vacas feias e magras devoraram as sete vacas belas e gordas. E o faraó despertou. 5.Adormeceu de novo e teve outro sonho: sete espigas grossas e belas saíam de uma mesma haste. 6.Mas eis que em seguida germinaram sete outras espigas, magras e ressequidas pelo vento do oriente. 7.E as espigas magras devoraram as sete espigas grossas e cheias. E o faraó despertou: era um sonho. 8.Chegada a manhã, o faraó com o espírito preocupado, mandou chamar todos os mágicos e sábios do Egito. Contou-lhes seus sonhos, mas nenhum deles soube explicá-los. 9.Então o copeiro-mor disse-lhe: “Vou confessar a minha falta. 10.Um dia, tendo-se o faraó irado contra os seus servos, mandou-me meter na prisão em casa do chefe da guarda, com o padeiro-mor. 11.Eis que uma noite tivemos nós dois um sonho, cada um o seu. 12.Ora, estava lá conosco um jovem hebreu, escravo do chefe da guarda. Contamos-lhe nossos sonhos, e ele no-los interpretou, a cada um o seu. 13.E os acontecimentos confirmaram sua interpretação: eu fui restabelecido no meu cargo, e o outro foi pendurado.”
Entendendo o texto, responda escrevendo tudo o que o Senhor colocar em seu coração:

A vida de José pode ser dividida em três etapas. Ele cresceu e foi criado na segurança do lar dos seus pais. Sendo vendido como escravo, passou muitos anos de sua vida como prisioneiro ou em regime de escravidão. Aqui podemos vê-lo sendo exaltado.

A respeito do antigo Egito, a importância dos sonhos naquela cultura foram muito enfatizados. Alguns dos seus livros mais importantes são voltados para este tema. Grandes templos foram dedicados para este aspecto da vida. Líderes religiosos e homens sábios gastaram suas vidas interpretando sonhos. Talvez isto explique porque Deus escolheu este meio para falar com o Faraó.

Enquanto dormia, o Faraó teve um sonho bizarro e perturbador. Sete vacas gordas e formosas subiam do rio Nilo para se alimentarem. E após elas subiram sete vacas magras e feias que as devoraram. Entretanto, era chocante notar que elas não engordaram nenhum pouco. Os sonhos se repetiram novamente, só que em vez de vacas, agora eram espigas.

Deus fez com que o Faraó ficasse impressionado com a seriedade destes sonhos. Nosso Senhor não tem dificuldades para pegar a atenção do homem. Um dos homens mais poderosos da terra estava tremendo de preocupação. Como temos notado em nossos estudos, “Deus governa mesmo entre os grandes poderosos da terra”. Nenhum dos mágicos ou dos homens sábios do Faraó puderam interpretar o sonho. Era necessário que eles falhassem para provar ao Faraó que Deus estava verdadeiramente com José. Quando a nossa ajuda terrena falha, nós estamos prontos para dar crédito a Deus. Se José tivesse sido chamado primeiro, é provável que os outros iriam dizer que poderiam dar a mesma interpretação.
 
Este acontecimento ilustra muito bem Romanos 8:28. Se o copeiro tivesse se lembrado de José da primeira vez, os planos de Deus teriam sido frustrados. Não há dúvidas de que José tenha ficado triste e amargurado por ter sido esquecido por dois anos. Após este fato, ele deve ter se alegrado muito pela sabedoria de Deus. Vamos aprender a confiar em Deus em toda e qualquer situação, em sua oração agora, peça ao Senhor um coração pacificado como o de José, para que as graças oportunas de Deus não passem sem que você receba sua benção. Perder tempo com banalidades é dizer não a Deus que é o Senhor do tempo. Bom Estudo.