85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Tempo de Viver

Cerco de Jericó: Estudo Bíblico do dia 20-08-18 (SEG)

  • Publicado em 20/08/2018

Dia 20.08.2018

Tema: José e seus irmãos

Indicação: Leia atentamente por três vezes Genesis 37, 1-11 e perceba que o caráter de José o sustentou na aflição junto ao ciúme dos seus irmãos e que mesmo tendo contado os seus sonhos, Deus se utilizou disso e o fez vencedor.
"Jacó habitou na região onde seu pai havia morado, na terra de Canaã. 2.Eis a história da descendência de Jacó: José, ainda jovem, com a idade de dezessete anos, apascentava o rebanho com seus irmãos, os filhos de Bala e os filhos de Zelfa, mulheres de seu pai; e ele contou ao seu pai as más conversas dos irmãos. 3.Israel amava José mais do que todos os outros filhos, porque ele era o filho de sua velhice; e mandara-lhe fazer uma túnica de várias cores. 4.Seus irmãos, vendo que seu pai o preferia a eles, conceberam ódio contra ele e não podiam mais tratá-lo com bons modos. 5.Ora, José teve um sonho, e o contou aos seus irmãos, que o detestaram ainda mais: 6.“Ouvi, disse-lhes ele, o sonho que tive: 7.estávamos ligando feixes no campo, e eis que o meu feixe se levantou e se pôs de pé, enquanto os vossos o cercavam e se prostravam diante dele.” 8.Seus irmãos disseram-lhe: “Quererias, porventura, reinar sobre nós e tornar-te nosso senhor?” E odiaram-no ainda mais por causa de seus sonhos e de suas palavras. 9.José teve ainda outro sonho, que contou aos seus irmãos. “Tive, disse ele, ainda um sonho: o sol, a lua e onze estrelas prostravam-se diante de mim.” 10.Ele contou isso ao seu pai e aos seus irmãos, mas foi repreendido por seu pai: “Que significa, disse-lhe ele, este sonho que tiveste? Viremos, porventura, eu, tua mãe e teus irmãos, a nos prostrar por terra diante de ti?” 11.Seus irmãos ficaram, pois, com inveja dele, mas seu pai guardou a lembrança desse acontecimento.

Entendendo o contexto:

1- Aqui tem início a história de José. Ela é sem dúvida a história favorita de muitas pessoas. Nela encontramos maravilhosas ilustrações da providência especial de Deus para com Seu Povo. Temos aqui a garantia de que a má intenção do homem não pode impedir o gracioso poder de Deus para com Seu povo.

Os patriarcas viveram como estrangeiros na terra que Deus havia prometido a eles. Israel só iria tomar posse desta herança centenas de anos mais tarde.

Aqui encontramos José, cujo nascimento é recordado em Gênesis 30. Notamos o seu bom caráter mesmo na adolescência. E isto é ainda mais marcante quando comparado com a fraqueza de caráter de seus irmãos mais velhos. José não era do tipo que seguia a multidão. Quando lemos a respeito dele contando a Jacó as más obras de seus irmãos, é para que o seu bom caráter seja ressaltado.

Suplique ao Senhor Jesus, ressuscitado e cheio de luz a graça de SER um homem ou uma mulher de caráter, peça a Jesus que manifeste em sua vida a Sua glória de Deus feito homem. Anote os frutos de sua oração.

2 - José era o preferido de seu pai. Jacó fez para ele uma túnica especial que revelava a sua posição de preeminência.
 
Podemos nos perguntar se Jacó agiu corretamente em tudo isto. Ele certamente deve ter se lembrado dos problemas que o favoritismo tinha causado no lar dos seus pais. Isto o havia separado de sua mãe, assim como o separaria de José. É mais fácil emular a fraqueza dos pais do que seguir o exemplo de seus pontos fortes. Note, entretanto, que até mesmo a tolice do homem pode ser usada para que a soberana vontade de Deus seja executada. A raiva dos irmãos de José, como a de Esaú, somente favoreceu o plano de Deus.

Para piorar o ciúme dos seus irmãos, José teve dois sonhos que mostravam a sua exaltação futura. Muitos acham que José errou ao contar estes sonhos aos seus irmãos, pois só criou mais ciúmes. Eu não posso concordar com isso. José parece ter entendido que estes sonhos eram proféticos e que vieram por impulso divino. Como nas profecias, eles precisavam ser contados para que, nos eventos futuros, fosse reconhecido que a Palavra de Deus estava sendo cumprida. Os sonhos foram literalmente cumpridos quando José foi feito governador no Egito. Não há dúvidas que todos os envolvidos lembraram destes sonhos, e sabiam que Deus havia preservado Sua Palavra.

Diante deste contexto, qual o SONHO DE DEUS para sua vida, temos vivido no cerco, principalmente nas homilias o quanto é importante sermos inteiramente de Deus e nEle realizarmos os nossos sonhos. Deixe o Senhor guiar você, pois o seu alvo é a santidade.