85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Notícias

"Ninguém é cristão sozinho", disse Moysés aos jovens

  • Publicado em 06/09/2017

O fundador da Comunidade Shalom falou sobre a capacidade que Deus tem de nos surpreender. “Deus não nos trouxe aqui para fazer mais do mesmo. Ele nos trouxe aqui para nos alcançar com a sua graça.”

Na data festiva, Moysés relembrou os primeiros passos da Comunidade. “Não poderíamos celebrar os nossos 35 anos, sem lançarmos o nosso olhar para as nossas origens”.  O fundador partilhou que a comunidade nasceu em uma época onde os jovens estavam se afastando de Deus. “A geração desses jovens, no Brasil, começou a achar que a Igreja era uma peça de museu que não tinha nada para oferecer”.

Moysés ainda partilhou sobre a sua experiência com Deus e a motivação para iniciar algo novo para evangelizar os jovens. “Jesus é uma pessoa real que se apresentou para mim, na minha juventude, entrou no meu coração e me encheu de alegria, transformando a minha vida. O Espírito Santo, que a comunhão de amor do Pai com o filho, gerou em mim um fogo no coração e um desejo de me unir profundamente a Jesus Cristo. Eu não fiz nada, a iniciativa foi de Deus.”

Partilhando ainda sobre a inspiração do carisma, Moysés falou sobre a entrega da carta ao, então papa, São João Paulo II. “A dinâmica de Jesus é Cruz e Ressureição, perder a vida para encontrá-la, doar-se! Jesus deu toda a sua vida por mim, eu não podia dar menos. Uma relação de amor é assim, oferta traduz aquilo que já está no coração, partilhar e transmitir o que de graça recebemos”.  Moysés relembrou o momento em que falou para o Papa Francisco que hoje somos um povo que busca a oferta que não quer se cansar e questionou os peregrinos: “Você está disposto a viver essa dinâmica de oferta? Você está apaixonado o suficiente por Jesus?”

Ainda sobre o direcionamento do Santo Padre a comunidade, o fundador lembrou que a alegria caracteriza a eterna juventude. ” A tristeza é gerada pela autoreferencialidade e a vivência para si mesmo.”

Moysés Azevedo motivou o sair de si mesmo pela oração, fazendo um apelo aos jovens: “Queridos jovens, nunca percam o caminho da oração”. Sair de si também pela fraternidade e pela missão como forma de ganharmos a vida. Ninguém é cristão sozinho. Temos que ir ao encontro também daqueles que podem produzir repulsa para nós. “

O momento da partilha com o fundador também contou com a oração diante da Cruz peregrina da Jornada Mundial da Juventude dada por São João Paulo II na sua primeira edição.

Fonte: Comunidade Shalom