85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Jornal Nova Expressão

Ceará visita o Corinthians fora de casa pela Copa do Brasil

  • Publicado em 03/04/2019

Acreditar que é possível. Este é o lema do Ceará para o duelo de hoje às 21h30 em São Paulo contra o Corinthians pela Copa do Brasil, após a derrota por 3 a 1 no jogo de ida, na Arena Castelão.

Por mais que a diferença de gols a ser tirada assuste o torcedor alvinegro, uma vitória por dois gols levaria a decisão para os pênaltis e permitiria ao Vozão sonhar com a vaga. Vencer por três gols de diferença, por sua vez, faria o time cearense avançar direto para a 4ª fase – resultado que certamente seria uma das maiores façanhas do clube na história do torneio. 
Em 167 jogos em sua Arena, o Timão perdeu 17, sendo apenas cinco por dois gols de diferença – como este ano para o RB Brasil – e um por três gols, do Flamengo em 2018. 

E olhe que o Ceará já viveu momentos históricos na Copa do Brasil, eliminando Palmeiras e Internacional em 1994, quando foi vice-campeão; superando o Flamengo e Atlético/MG em 2005, quando foi semifinalista; e mais uma vez batendo o Rubro-Negro carioca em 2011, quando ficou mais uma vez entre os quatro primeiros.

Mas para conseguir uma nova façanha, o Ceará não se apega apenas ao seu respeitado histórico na Copa do Brasil. 
O momento da equipe é positivo, com o Alvinegro invicto no Estadual e na Copa do Nordeste, liderando os dois certames nas classificações gerais e tendo ‘decisões’ contra Náutico, no sábado, e Floresta na quarta-feira, como próximos compromissos, ambos na Arena Castelão.

“Acreditamos em nós. Temos o placar adverso, precisamos vencer por dois gols de diferença para levar para os pênaltis, mas todo o grupo confia em quem está do seu lado e vamos para jogar e fazer o nosso melhor. No futebol pode acontecer tudo, e vamos tentar surpreender e buscar a classificação”, declarou o goleiro Richard.

O meia Felipe Silva lembrou as chances que o Ceará teve para vencer no Castelão, mas desperdiçou, precisando ser mais efetivo para avançar. “A gente pode ficar falando do jogo de ida, que jogamos de igual para igual, mas que eles aproveitaram melhor as chances, mas isso não interessa mais. É focar nesse jogo da volta. Claro que a vantagem é deles, jogam na casa deles. Mas vamos lutar. Temos um time forte, um elenco forte e temos condições”.

Estratégia
O técnico Lisca deve manter o time que empatou com o Floresta, exceto Leandro Carvalho, não inscrito no torneio. As opções são Chico e João Paulo. O treinador já tem uma carta na manga para complicar o jogo para o Timão e recolocar o Ceará no confronto. “Tenho a estratégia para tirar o Corinthians da zona de conforto. Vamos buscar um gol cedo, para deixar a diferença por um gol e colocar a pressão neles. Teremos que aproveitar bem as chances”.

Ficha Técnica

Copa do Brasil - 3ª Fase - Volta
Arena do Corinthians, em São Paulo
Árbitro: Rafael Traci/PR

Corinthians: Cássio; Fagner, Marllon, Henrique, Danilo Avelar, Ralf, Júnior Urso, Sornoza, Clayson, Vagner Love e Gustavo
Técnico: Fábio Carille
 

Ceará: Richard; Samuel Xavier, Tiago Alves, Luiz Otávio, Thiago Carleto;  Juninho, Fabinho, Felipe Silva, Ricardinho, 
Chico, Ricardo Bueno
Técnico: Lisca

FONTE (Sonora): Agência Rádio Web