85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Notícias

Ceará fecha março com o maior volume de chuva para o mês nos últimos 11 anos

  • Publicado em 02/04/2019

Com 245 milímetros, março fechou com precipitações 19,3% acima da média do mês, que é de 203 milímetros. De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), é o melhor resultado para o período desde o ano de 2008. Naquele ano, o observado foi de 332,5 milímetros.

De acordo com o meteorologista da Funceme Raul Fritz, as condições oceânicas e atmosféricas foram favoráveis neste último mês.

“A boa configuração de temperaturas da superfície do Atlântico tropical sul, com águas mais quentes próximas à região Nordeste e mais frias acima do equador, contribuiu para a aproximação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT). Este foi o principal motivo para precipitações significativas no estado em março”, explica o pesquisador.

Litoral Oeste e Fortaleza
Quanto à média por macrorregião, os litorais Norte e de Fortaleza, que é composto pela Capital e municípios da Região Metropolitana, tiveram os maiores desvios positivos. A primeira fechou o mês com 56,4% e, a segunda, 56,3%. Entre todas as áreas, somente o Sertão Central e Inhamuns ficou levemente negativo, tendo registrado -2,4% abaixo da normal climatológica. Os dados são preliminares e ainda podem sofrer alterações.

Já quanto aos resultados por município, Jijoca de Jericoacoara, Paraipaba e Acaraú lideraram o ranking com os maiores desvios positivos: 156%; 145,7% e 99,2% acima da média para o mês de março, respectivamente. A maior precipitação pontual, isto é, aquela registrada no intervalo de 24 horas, aconteceu em Itarema, entre os dias 22 e 23, com 212 milímetros.

Mês de abril com chuvas
O mês de abril começa com cenário favorável à continuidade das chuvas em todas as macrorregiões do Ceará. De acordo com previsão do tempo atualizada pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) na manhã desta segunda-feira (1°), hoje e os dois próximos dias deverão ser com eventos de chuva em todo o estado.

Neste momento, conforme análise de imagem de satélite, há nebulosidade sobre todo o território cearense, principalmente no norte do estado. O cenário se dá pela atuação da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), que se encontra próximo à costa.

Além disto, observa-se. entre os estados de Piauí, Pernambuco e Bahia, a presença de um Cavado de Altos Níveis (CAN). Esses sistemas estão contribuindo para a ocorrência de precipitações em todo o estado. No intervalo entre as 7h deste domingo (31) e as 7h desta segunda, o balanço parcial indica registros em, pelo menos, 95 municípios. Os maiores acumulados deste período foram em Camocim (140 mm), Chaval (135 mm) e Coreaú (126 mm).

FONTE: G1 CE