85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Tempo de Viver

Cerco de Jericó: Estudo Bíblico do dia 27-09-18 (QUI)

  • Publicado em 27/09/2018

Tema: Jesus entre os doutores

Indicação: Leia LUCAS 2, 41-51, como é belo contemplar Jesus iniciando suas funções, Ele tem uma identidade madura com as coisas do Pai.

"Seus pais iam todos os anos a Jerusalém para a festa da Páscoa. 42.Tendo ele atingido doze anos, subiram a Jerusalém, segundo o costume da festa. 43.Acabados os dias da festa, quando voltavam, ficou o menino Jesus em Jerusalém, sem que os seus pais o percebessem. 44.Pensando que ele estivesse com os seus companheiros de comitiva, andaram caminho de um dia e o buscaram entre os parentes e conhecidos. 45.Mas não o encontrando, voltaram a Jerusalém, à procura dele. 46.Três dias depois o acharam no templo, sentado no meio dos doutores, ouvindo-os e interrogando-os. 47.Todos os que o ouviam estavam maravilhados da sabedoria de suas respostas. 48.Quando eles o viram, ficaram admirados. E sua mãe disse-lhe: Meu filho, que nos fizeste?! Eis que teu pai e eu andávamos à tua procura, cheios de aflição. 49.Respondeu-lhes ele: Por que me procuráveis? Não sabíeis que devo ocupar-me das coisas de meu Pai? 50.Eles, porém, não compreenderam o que ele lhes dissera. 51.Em seguida, desceu com eles a Nazaré e lhes era submisso. Sua mãe guardava todas estas coisas no seu coração. 52.E Jesus crescia em estatura, em sabedoria e graça, diante de Deus e dos homens."

Entenda o texto e em oração e contemplação, celebre o crescimento de Jesus dentro e fora de você.

Judeus devotos costumavam assistir a Páscoa em Jerusalém. Jesus, tendo doze anos de idade, estava se aproximando da idade normal para ser aceito no judaísmo como um “filho da lei”, que o tornaria um membro efetivo da comunidade religiosa.
Permaneceu o menino Jesus em Jerusalém. Como qualquer menino normal, deve ter ficado fascinado com as vistas da cidade; é mais provável que ele tenha se interessado particularmente pelo ensinamento dos rabis.
O acharam no templo. Seu interesse mostra que ele despertou para a necessidade de compreender a Lei. Ele estava prestando atenção aos mestres, que ficaram espantados com a clareza e discernimento de suas respostas.

Filho, por que fizeste assim conosco? Como qualquer mãe de verdade, Maria sentiu a falta dele quando a caravana parou no fim do dia. Obviamente ela ficou preocupada.
Casa de meu Pai. Dá a entender que o jovem tinha uma percepção clara do seu relacionamento com Deus. Ele ficou admirado porque Maria e José não tinham compreendido esse relacionamento, e fê-los lembrar que, sendo Deus o seu verdadeiro Pai, ele pertencia à casa de Deus.

Não compreenderam. José e Maria não compreenderam o significado completo das palavras de Jesus, que foram o primeiro sinal registrado de sua crescente independência.

E era-lhes sujeito. A independência de Jesus não era rebeldia. Ele voltou a Nazaré e ficou com a família até o começo do seu ministério público. Guardava todas estas coisas no
 
coração. Embora não compreendesse o que ele quería dizer, Maria não se esqueceu de suas palavras. Talvez Lucas fosse informado diretamente por ela.

E crescia Jesus em sabedoria, estatura, e graça diante de Deus e dos homens. Ele não foi um prodígio no sentido de ser anormal. Crescia significa que havia crescimento no seu tamanho, consciência e compreensão dos acontecimentos. Ele foi perfeito em cada estágio da vida. Ele estava livre das imperfeições que desfiguram o restante dos homens em cada estágio do crescimento.

Meu irmão, minha irmã, diante de um texto tão rico e belo, vamos beber dele e na certeza de que a cada vez que contemplamos as ações do texto percebemos que o menino Deus cresce em nós, podemos assim crescer em sabedoria, graça e beleza, pois está é a vontade do Senhor.

Muito obrigado a todos que até aqui, foram fieis aos direcionamentos do Cerco de Jericó. Bendito seja Deus pela vida e ministério do Padre Antonio Furtado e pela vocação Shalom que nos envolve na paz que é Jesus.

Shalom! Até o próximo ano, onde derrubaremos mais muralhas e continuaremos ainda mais fortes na fé e na gratidão a Deus.