85 98117.4241

ouvinte@redeshalomderadios.com

85 3261.3600 / 3264.1863

Clube do Ouvinte da Paz

Benfeitor e você: São Miguel Arcanjo e a sua importância na batalha espiritual

  • Publicado em 13/09/2018

Podemos ver nas Sagradas Escrituras a figura de São Miguel em diversos momentos, do Antigo ao Novo Testamento.

Ele era tido pelos judeus como protetor do povo eleito. Segundo o Apóstolo S. Judas (v. 9.) o cadáver de Moisés estava entregue aos cuidados do arcanjo. Foi este mesmo arcanjo, quem apareceu a Josué antes da tomada de Jericó e lhe prometeu seu auxílio; foi S. Miguel que defendeu os israelitas contra as hostes de Senacherib, desbaratando-as; foi ainda S. Miguel, quem se opôs a Balaam, quando ia amaldiçoar o povo de Deus. Heliodoro experimentou a força vingadora do arcanjo, quando se aparelhou para praticar o roubo sacrílego do templo.

No livro de Daniel também vemos essa proteção do arcanjo para com o povo judeu

Daniel 10, 13 - "O chefe do reino persa resistiu-me durante vinte e um dias; porém Miguel, um dos principais chefes, veio em meu socorro.

Daniel 10, 22 - "Contra esses adversários não há ninguém que me defenda a não ser Miguel, vosso chefe." 

Daniel 12, 1 - "Naquele tempo, surgirá 
Miguel, o grande chefe, o protetor dos filhos do seu povo.

Temos a narração tão conhecida de Apocalipse:

“Houve então uma batalha no céu: Miguel e seus anjos guerrearam contra o Dragão. E o Dragão lutou, junto com seus anjos, mas foram derrotados e expulsos do céu. E o enorme Dragão, a antiga serpente, o diabo ou Satanás, como é chamado, o sedutor do mundo inteiro, foi lançado sobre a terra, e seus anjos foram lançados junto com ele”.


SEJA UM BENFEITOR DA PAZ, CLICANDO AQUI!

CONTATO: 0800-602-2829

PRODUÇÃO: Guilherme Rocha